top of page
Buscar

Como entender a tabela nutricional?

Atualizado: 17 de abr. de 2023

Você já se viu diante de um rótulo de um determinado produto e ficou totalmente perdido?

São tantas informações que provavelmente você deixa passar, mas saiba que é essencial ler e entender a tabela nutricional a fim de escolher os alimentos de acordo com as suas necessidades.


Geralmente, as letras são muito pequenas, e talvez por isso que a maioria das pessoas não lê.

É importante saber que a tabela nutricional é uma ferramenta que te ajuda a fazer boas escolhas, onde você vai encontrar a quantidade de cada elemento (em g ou mg), assim como a porcentagem do valor diário recomendado.


Portanto, para te ajudar, vamos mostrar aqui qual a importância de entender a tabela nutricional, assim como aprender a ler!

mulher olhando rótulo no supermercado












Por que é importante entender a tabela nutricional?

Quando olhamos a embalagem de um produto, pode ser complicado entender sua composição, seus benefícios nutricionais, os alergênicos, os principais ingredientes...

É justamente por isso que a Anvisa regulamentou a tabela nutricional dos alimentos, a fim de guiar o consumidor no momento de escolher um produto.

Dessa forma, você tem acesso à composição do alimento, a quantidade de nutrientes, assim como a ingestão diária recomendada.


Hoje em dia, as pessoas querem saber exatamente o que elas comem, e para isso, é importante ler em detalhes a tabela nutricional dos alimentos.

Além disso, a tabela nutricional é fundamental para pessoas que seguem dietas alimentares específicas, como alergias e ingredientes que possam lhes fazer mal.

Ou seja, é antes de tudo uma questão de saúde!

Para as pessoas que buscam reequilibrar sua alimentação, ler as etiquetas dos produtos é uma das melhores maneiras.


Os rótulos também nos ajudam a conhecer a quantidade que devemos consumir de um certo produto para manter o equilíbrio alimentar.

Na verdade, você encontra indicações por porções e inúmeras outras informações na tabela nutricional.

Vale lembrar que não é porque uma embalagem de um produto é verde ou com fotos de sol que obrigatoriamente é saudável.

Por isso, leia atentamente todas as informações para conhecer a verdadeira qualidade nutricional dos alimentos.


Como entender a tabela nutricional?

Em primeiro lugar, existe toda uma norma quanto à rotulagem de alimentos, cujos itens obrigatórios são:

  • Informação nutricional;

  • Ingredientes;

  • Atributos nutricionais complementares.

Para facilitar a leitura, a tabela nutricional é dividida em: porção, nutrientes declarados e percentual do valor diário.


Porção:

A porção corresponde à quantidade média a ser consumida diariamente.


Nutrientes declarados:

A cada nutriente da tabela nutricional, há o equivalente em valor energético, ou seja, as calorias contidas naquele nutriente.

Geralmente, no rótulo da embalagem, esse valor energético está representado na forma de quilocalorias (kcal) ou quilojoules (kj).

Aqui, você vai encontrar os carboidratos, proteínas, gorduras totais, gorduras saturadas, gorduras trans, fibra alimentar, minerais e vitaminas.


Percentual de valor diário:

O percentual de valor diário (VD) é uma indicação sobre a ingestão diária recomendada de cada ingrediente, com base em uma nutrição para uma pessoa adulta e saudável.

Além dessas três informações, você também encontra uma lista de todos os ingredientes, os quais estão descritos em ordem decrescente de acordo com a quantidade contida na formulação do produto.

Sendo assim, os itens em maior quantidade naquele produto, aparecem primeiro, e os de menor quantidade, estão no final da lista.

Após a lista dos ingredientes, há a relação dos aditivos alimentares, por exemplo, conservantes e corantes.

Por fim, no quadro de informações nutricionais complementares, mostra a presença de alergênicos, como lactose e glúten, como também traços destes compostos.


Quais as vantagens de ler os rótulos das embalagens

Como cada pessoa é diferente, seus objetivos em matéria de saúde também são diferentes.

Por consequência, cada uma lê o rótulo da embalagem de acordo sua percepção.

Veja quais as vantagens de ler os rótulos das embalagens:

  • Comparar os produtos mais facilmente, em porções iguais, escolher suas próprias porções;

  • Compreender o valor nutricional dos alimentos que você come;

  • Aumentar ou reduzir a quantidade de certos nutrientes na sua dieta;

  • Fazer escolhas mais adaptadas à sua saúde.

Além disso, preste bastante atenção a fim de identificar os açucares “escondidos”: sacarose, frutose...porque quando acumulados, poderão ocupar uma parte significativa do produto.

Uma outra dica é tentar diminuir os produtos cujos primeiros ingredientes são o açúcar, gordura e sal.

A porcentagem do valor diário em açucares, sal e gorduras saturadas e trans não devem ultrapassar 15%, pois isso indica que o produto tem alto teor desses itens.

Por isso, tenha o hábito de ler o rótulo e a composição nutricional dos alimentos, e com o tempo, vai ficar muito mais fácil entender a tabela nutricional.



14 visualizações0 comentário

Comments


LOGO WHATS OFICIAL.png
bottom of page